Promovendo e realizando ensino, pesquisa e extensão sobre reabilitação na doença de Parkinson

Coordenador Responsável do GEDOPA - Prof. Clynton Lourenço Correa

Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro

Motivados pelo grande desafio de desenvolver atividades sobre reabilitação na doença de Parkinson, nos diferentes eixos universitários, idealizamos e criamos em 21 de setembro de 2011 o GEDOPA - Grupo de Estudos na Doença de Parkinson. Como núcleo central da ideia que se materializava, estava a nossa convicção de que esses estudos deveriam ocorrer dentro de uma perspectiva interdisciplinar, abrangendo as áreas de conhecimento da Neurologia, Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Educação Física, Psicologia, Nutrição, Farmácia, Assistência Social, Fonoaudiologia e Enfermagem. Desde então, superando dificuldades e percorrendo uma trajetória de realizações, conseguimos consolidar com o GEDOPA um grupo competente e abnegado de profissionais que cumpre o importante papel de realizar ensino, pesquisa e extensão sobre a doença de Parkinson, contribuindo para o avanço do conhecimento científico e para a melhoria da qualidade de vida dos pacientes e familiares.

Portanto, é com muito orgulho que, como Coordenador do GEDOPA, convido você a conhecer nosso Grupo, visitando as páginas deste nosso website.

Responsável pelo Laboratório de Neurobiologia Comparativa e do Desenvolvimento - Profª. Silvana Allodi

O Laboratório de Neurobiologia Comparativa e do Desenvolvimento, que realiza pesquisas básicas para compreender aspectos relacionados à neurobiologia do exercício físico na doença de Parkinson, participa com muito interesse das ações integradas do GEDOPA, uma vez que esse grupo inova ao se comprometer com uma abordagem interdisciplinar para a compreensão dos fatores intervenientes nas manifestações dessa doença e nas suas terapias.

Coordenadora do Projeto de Extensão para Pacientes, Familiares e Cuidadores – Profª. Vera Lúcia Santos de Britto

O Projeto de Extensão "Educação e Saúde na doença de Parkinson: Cuidando de pacientes, familiares e cuidadores" é um projeto idealizado pelo GEDOPA, a partir da dinâmica Multiprofissional e Interprofissional, que temos no ambulatório de Fisioterapia no INDC. A “Educação e Saúde” passa a ser um instrumento de construção da participação popular e, ao mesmo tempo, de aprofundamento da intervenção da ciência na vida cotidiana dos pacientes, familiares e cuidadores.